UM ROTEIRO PARA MEDITAÇÃO

UM ROTEIRO PARA MEDITAÇÃO
Por Teka Barbosa

Eis um roteiro de meditação (em meio a diversos tipos e estilos), a partir de recomendações de Leslie Temple-Thurston:

No início, meditar de 10 a 20 minutos, no mínimo. Pela manhã: após acordar e tomar banho. À noite: após chegar do trabalho e tomar banho.
Reservar um mesmo lugar para meditar.
Auxilios auditivos distraem a mente: músicas, mantras ou tudo que auditivamente ajude a mente a esvaziá-la de todos os pensamentos. Se preferir, pode meditar sem música nenhuma, somente cultivando o silêncio interior.
Sentar com a coluna confortavelmente ereta para que a energia que percorre a coluna vertebral circule com fluidez. Pode ser numa cadeira que possua encosto reto ou no chão, sobre almofada ou banquinho específico para meditação.
Observar se o corpo está confortável e equilibrado. Caso haja rigidez ou nós na musculatura, tentar alongar e/ou massageá-los, a fim de soltá-los e ativar a circulação.
Já bem instalado, respire várias vezes, com consciência, de forma profunda e lenta. Inspire alegria, luz, energia positiva e expire liberando tensão e negatividade.
Se optar por um foco (a chama de uma vela, uma imagem/foto de um ser espiritual etc.) para iniciar a meditação, pouse os olhos, gentilmente, sobre o objeto focalizado. Após certo tempo, feche os olhos, relaxe e mergulhe em sua meditação.
Quando surgirem pensamentos, ignore-os. Se não conseguir, gentilmente, desconecte a consciência deles e continue deixando-os passar o máximo que puder. Não se apegue aos pensamentos que vierem.
É importante que não julguemos nossas meditações. No início, os pensamentos poderão estar muito presentes. Com o tempo e a disciplina, observará seu progresso e a sensação de bem-estar e paz interior, ante qualquer situação.
O estado de meditação é um estado de não-fazer, de simplesmente ser. Nunca force coisa alguma.
No estado meditativo, você se disponibiliza e fica receptivo para se preencher da luz espiritual. Esta é bastante sutil e, no início, não será discernida com facilidade, mas ela está aí. Acredite de coração.
Ao terminar a meditação, fique de 10 a 15 minutos sem fazer esforço físico e/ou mental a fim de deixar que a energia da luz espiritual seja assimilada pelo (seu) Ser.
A meditação nos ensina a estar num processo lento, constante e progressivo de estabilização da consciência.
Meditando pelo menos 2 vezes ao dia, suas meditações terão efeito sobre seu entorno familiar, profissional, nos relacionamentos em geral. Ao meditar, você está gerando um campo de energia benigno e unificado, que se expande pelo mundo.
Um dos efeitos do cultivo da meditação é o abrandamento de atitudes de arrogância, preconceitos, ódio e violência que hoje ainda são mantidas pela maioria das pessoas, que geram e reforçam o inconsciente coletivo que pode ser modificado para mais paz, harmonia e luz. Podemos fazer a diferença no planeta. Medite nisto! Paz e Bem!

Postado em 15/04/2011 por Jânio Alcântara

Deixe um comentário